Reaja: 10 anos de luta negra e resistência comunitária

Por Lula Rocha

Há 10 anos guerreiras e guerreiros tomaram a decisão política de não mais aceitar passivamente a morte cotidiana e brutal de negras e negros nesse país. Da ocupação da Secretaria de Segurança Pública da Bahia surge a Campanha Reaja ou Será Morto, Reaja ou Será Morta ecoando as vozes negras de vilas, favelas e presídios e travando a luta autônoma e combativa contra o Genocídio do Povo Negro.

Apesar do racismo produzir secularmente dores e desigualdades, nunca havia gerado a pilha de corpos negros como hoje. O processo genocida em curso no Brasil que se manifesta não apenas por meio das milhares de mortes, mas também por diversas privações ao povo negro necessita de um combate a altura protagonizado por negras e negros.

Em tempo de cooptação, distanciamento das lutas populares e institucionalização da militância, a Reaja desafia aqueles que acreditam que a luta social prioritariamente se faz em gabinetes e com negociatas. Seja em Periperi, Vila Moséis, Simões Filho, dentre outros territórios, a Reaja segue firme no combate ao racismo e na construção de um processo de resistência forjado pelos de baixo. Nas marchas, nas ações comunitárias e culturais a Reaja mantém viva a luta dos nossos ancestrais e aponta saídas concretas para construção de uma sociedade mais justa.

Entretanto, toda essa luta ainda é invisibilizada, incompreendida ou combatida por alguns. São constantes os ataques a Campanha Reaja não só pelos declaradamente racistas, mas também por setores dos movimentos sociais. Mas isso não limita a caminhada. Pelo contrário, a Reaja se fortalece a cada tentativa de desqualificação ou intimidação, pois seus princípios e propósitos estão estão cada vez mais consolidados e atuais.

Por isso, temos na Reaja o farol da nossa atuação. A luta contra o racismo requer radicalidade, ousadia, criatividade, coerência e compromisso. Em tempo de atualizações e reflexões sobre o caminho a seguir para se contrapor a elite branca brasileira e suas artimanhas para manutenção do poder, a Reaja é uma referência para os que ainda acreditam numa transformação real da sociedade.

Vida longa a Reaja!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s